Conheça 4 redes sociais fundamentais para empreender

destaque-redes-sociais

As redes sociais são uma realidade na hora de promover serviços e produtos. A professora Paloma Assef da Faculdade Laboro apresenta algumas ideias de como redes sociais ajudam a construir relações e estabelecer credibilidade para empreendimentos.

Segundo Paloma no caso do Facebook, a principal ferramenta para o marketing digital de uma marca é a FanPage. A FanPage é uma página com as informações da marca onde está posto o conteúdo que será entregue ao seu público alvo e em potencial. Esta ferramenta é muito importante, pois, além de estreitar a relação com o consumidor, pode aumentar bastante o fluxo para o site, principalmente se a empresa em questão tiver como objetivo gerar mais leads no site onde os produtos/serviços são vendidos.

Em estudos há artigos científicos a professora Paloma destacou a ação do Google+, a plataforma social do gigante de buscas e um dos maiores players do mercado digital o Google também é um dos lugares de maior retenção de informações úteis de possíveis consumidores. Afinal, a quantidade de informações de cada “curtida” ou “plusada” é muito grande e valiosa.

Caracterizado como uma ferramenta de comunicação e microblogging em tempo real, segundo o artigo cientifico o Twitter possui mais de 200 milhões de usuários ativos no mundo todo atualmente. Capaz de reunir pessoas de todos os estilos postando diariamente suas opiniões, seus pensamentos e atividades, ao fazer uso desta plataforma, é possível rastrear e diagnosticar o comportamento de um público alvo com grandes detalhes, devido a seu caráter extremamente dinâmico.

O seu raio de alcance devido este aspecto é global e pode também ser direcionado àqueles que ainda não tiveram contato com a marca por meio de dois plugins da plataforma: os promoted products e os promoteds tweets (publicações).

O LinkedIn, no entanto é conhecida como a rede corporativa e social de maior sucesso no mundo, já reúne mais de 200 milhões de usuários, sendo estes distribuídos principalmente entre os Estados Unidos, a Inglaterra, o Canadá, a Índia e o Brasil. Para se ter uma noção mais clara da proporção da crescente atividade nesta rede, dois membros aderem a ela por segundo, o que leva a 172,800 por dia. Os mercados mais abrangidos pela plataforma são os de Tecnologia da Informação e Serviços, Finanças, Educação Superior, Ciência da Computação e Telecomunicações. As pessoas são conhecidas como conexões. Por ser uma rede de contatos mais direcionada para o âmbito profissional, o LinkedIn pode ser utilizado para que a empresa possua uma relação mais formal e direta com possíveis clientes, publique conteúdos de desenvolvimento de pesquisas, liste possíveis vagas, busque candidatos em potencial e se relacione com companhias parceiras, além de analisar com frequência o desenvolvimento de concorrentes.

Fonte: BRITO, David Santos; MALHEIROS, Taís de Carvalho. A importância das mídias sociais e das ferramentas gratuitas do google no mercado de e-commerce no Brasil para microempresas. C@LEA – Revista Cadernos de Aulas do LEA, Ilhéus, n. 2, p. 1 – 18, nov. 2013.